Imprimir

I Simpósio online de Emergência em Pequenos Animais

AddThis Social Bookmark Button

banner-simposio-online-small

Venha aprimorar seus conhecimentos. Evento promovido pelo Grupo de Estudos de Pequenos Animais juntamente com a Liga de Anestesiologia e Emergência em Pequenos.

 

01

02

03

Imprimir

Fafram firma parceria para uso da plataforma Google For Education

AddThis Social Bookmark Button

Plataforma permitirá o acesso a ferramentas e ao ambiente digital de ensino, com espaço ilimitado em nuvem virtual

banner-googleCom o desafio de levar a educação a um novo patamar de qualidade, a Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram) fechou uma parceria com o Google for Education.

A parceria com o Google, considerada a maior empresa de tecnologia do mundo, para a implantação da plataforma educacional colaborativa está sendo realizada através do curso de Sistemas de Informação da Fafram, com consultoria da empresa de tecnologia educacional Nuvem Mestra, uma das que representa o Google for Education no Brasil.

Alunos e docentes poderão acessar a plataforma através de contas individuais de e-mail, que permitirão o acesso a ferramentas e ao ambiente digital de ensino, com espaço ilimitado em nuvem virtual.

Como funciona a Google For Education


Para esclarecer dúvidas sobre o funcionamento da plataforma educacional, a coordenadora do curso de Sistemas de Informação, Lidiane A. Kanesiro, concedeu entrevista, onde ressaltou que a parceria é inovadora e coloca a Fafram em um patamar diferenciado, com a oferta de novas ferramentas tecnológicas.

“A Google for Education é uma ferramenta simples e poderosa que potencializa a relação entre professores e alunos, de colaboração e de aprendizagem e possibilita o acesso com finalidade pedagógica a diversos aplicativos”, observa.

“A plataforma traz diversos benefícios a aprendizagem, entre eles proporcionar aos alunos maior autonomia na construção do conhecimento, acesso a recursos/aplicativos que facilitam a aprendizagem e a oportunidade de ampliar suas possibilidades de pesquisa e criação, em um ambiente colaborativo e em contato com diversos conteúdos a qualquer momento e em qualquer lugar”, destaca a professora.

Conteúdo diversificado

Diversos conteúdos do universo Google também serão disponibilizados para docentes da instituição. “O que tornará as aulas mais dinâmicas. Além disso, os professores poderão guardar todo o seu material de forma segura em um espaço ilimitado e ainda terão a possibilidade de compartilhar materiais e experiências com professores de qualquer lugar do mundo”, ressalta.

O diretor da Fafram, Márcio Pereira, fala sobre a escolha pela Google for Education. “Optamos por essa plataforma por ser moderna e interativa, o que vai proporcionar uma interação e comunicação melhor com os nossos alunos, que são muito atualizados nas novas tecnologias”, afirma.

“Como a Fafram, desde a sua implantação, em julho de 1987, oferecia 100% dos conteúdos curriculares dos cinco cursos oferecidos atualmente de forma presencial e, devido à pandemia, passou a ofertá-los de maneira remota, essa nova plataforma vai permitir uma padronização dos procedimentos dos professores e colaboradores, proporcionando melhor atendimento aos alunos e contribuindo também para aprimorar a comunicação interna e com a comunidade”, declara o diretor.

Fafram realiza live beneficente para celebrar parceria

Para o lançamento da parceria entre a Fafram e a Google For Education, a instituição programou para a próxima quinta-feira, 30 de julho, uma live beneficente em seu canal no Youtube, a partir das 17h.

A transmissão, que também marcará a estreia do canal oficial da Fafram, contará com show da dupla Alex Viola & Caiio Silveira, além da participação remota de professores, coordenadores, alunos e comunidade.

Durante a live também haverá arrecadação de alimentos e produtos de limpeza e higiene, que serão destinados ao Abrigo de Idosos Comendador “Takayuki Maeda”, Apae, Grupo ASA e Rotary Club de Ituverava.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

Fafram ministrará curso no Peru a partir de fevereiro

AddThis Social Bookmark Button

Ação faz parte do convênio entre FE e Universidad Nacional Amazônica de Madre de Dios

banner-aulas-peruDando continuidade ao seu processo de internacionalização, a Fundação Educacional de Ituverava se prepara para um importante projeto que será desenvolvido a partir de fevereiro: um curso ministrado por professores da Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram) voltado a profissionais, produtores e estudantes do Peru, por meio de convênio firmado entre a FE e a Universidad Nacional Amazônica de Madre de Dios (UNAMAD).

Para discutir o assunto, foi realizada uma reunião nessa semana, com participação do presidente da FE, Pedro César Galassi; do representante da UNAMAD, Ronald Román Dioses Córdova; do diretor da Fafram, Márcio Pereira e das professoras Regina Eli de Almeida Pereira e Rosângela Kiyoko Jomori Bonichelli, que será a coordenadora do curso no Peru.

Com previsão para iniciar dia 27 de fevereiro e com duração de três a quatro meses, o curso ministrado no Peru será focado na área de Zootecnia, com ênfase em Aquicultura. Ele será dividido em 3 programas e envolverá profissionais da Fafram selecionados pela professora Rosângela.

“Os programas serão divididos em módulos, que abordarão técnicas para produção de peixes e camarões, estudo de mercado e planejamento e gestão. Além dos módulos que ministraremos presencialmente, o curso terá uma etapa virtual, em que ofereceremos uma assessoria para esclarecer dúvidas e promover orientações. Ao fim do curso, os participantes passarão por uma avaliação”, explica a coordenadora do curso.

Importância do convênio

Todos os custos do curso – como viagem, alimentação e hospedagem – serão de reponsabilidade da UNAMAD, instituição que, desde o ano passado, tem recebido apoio da Fundação Educacional de Ituverava.

“Esse convênio é de extrema importância, pois permite uma troca significativa de conhecimentos e tecnologias. Além do curso, que é muito importante para nós, em breve receberemos três estudantes do Peru que cursarão Medicina Veterinária na Fafram, por meio desse convênio”, destaca o diretor da Fafram, Márcio Pereira.

Parceria

O presidente da FE Pedro César Galassi fala sobre a parceria. “Além de difundir a nossa marca internacionalmente, permite que cada instituição some conhecimentos à outra na área em que é mais forte. Também teremos intercâmbio de alunos, podendo cada instituição enviar dez alunos para a outra”, enfatiza.

“É um passo importante nesse projeto de internacionalização da FE, que tem gerado resultados significativos. Em breve esperamos ser tão conhecidos em outros países quanto somos no Brasil”, destaca o presidente.

“Nossa expectativa para o curso é muito positiva, assim como para todas as ações que serão desenvolvidas por meio dessa parceria entre a UNAMAD e a Fafram, ou seja, é a Fafram levando conhecimento para fora do país”, enfatiza Pedro César Galassi.

Convênio

Firmado no ano passado, o convênio entre FE e UNAMAD prevê, entre outros benefícios para as instituições, a viabilização de intercâmbio de estudantes e professores e a realização de pesquisas acadêmicas.

Para que a parceria fosse formalizada, a Fafram passou por uma rigorosa avaliação na infraestrutura, quando foram verificadas diversas questões que constataram que a instituição atende às exigências.

Foram analisados, por exemplo, critérios referentes ao PDI (Plano de Desenvolvimento da Instituição), biblioteca, laboratórios, Hospital Veterinário, Fazenda Experimental, capacidade de atualização, grade pedagógica e corpo docente.

Imprimir

Formandos da Fafram recebem diplomas em esquema drive thru

AddThis Social Bookmark Button

Solenidade foi realizada no último dia 2 de julho, no Campus II da FE

banner-fafram-colacao-driveA Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram), instituição mantida pela Fundação Educacional de Ituverava, promoveu, dia 2 de julho, as solenidades de formatura das turmas de Engenharia Agronômica e Medicina Veterinária e de alguns estudantes do curso de Enfermagem.

Diferente do tradicional, a colação de grau foi realizada de duas formas: em esquema drive thru no Campus II da FE, e on-line, devido à pandemia do novo coronavírus.

Medicina Veterinária

O padrinho da 23ª turma de Medicina Veterinária, que recebeu o nome de “Prof. Dr. Fabrício Bernardo de Jesus Brasil”, foi o professor Dr. Silvio de Paula Mello, o paraninfo professor Msc. Luiz Roberto Pena de Andrade Jr. e a patrona, a professora Dra. Elzylene Léga.

Curso de Agronomia

A 58ª turma de Engenharia Agronômica, que recebeu o nome de “Professora Dra. Anice Garcia”, foi amadrinhada pela professora Dra. Letícia Ane Sizuki Nociti Dezem e teve como paraninfa, a professora Dra. Lívia Cordaro Galdiano Chicone. O patrono da turma foi o professor Dr. José Antônio de Souza Rossato Júnior.

Normas de segurança

O diretor da Fafram, Márcio Pereira fala sobre a importância da instituição formar novas turmas. “As colações de grau foram realizadas ao ar livre na Fafram, no sistema drive thru, obedecendo todas as normas de segurança e distanciamento, e os formandos e seus familiares puderam participar dentro de seus carros”, afirma.

“Esses novos profissionais já saem do curso inseridos no mercado de trabalho. Os formandos em Agronomia e Medicina Veterinária poderão atuar no segmento do agronegócio, contribuindo com a segurança alimentar, bem-estar animal e com a produção de alimentos para abastecer a população brasileira e do mundo”, observa o diretor.

“Já os profissionais de Enfermagem estão preparados e poderão auxiliar na frente de combate da pandemia de coronavírus que estamos enfrentando”, completa Márcio Pereira.

Presidente deseja sucesso aos formandos

O presidente da FE, o empresário César Luiz Mendonça parabeniza os formandos. “Em nome da Fundação Educacional de Ituverava parabenizo os formandos dos cursos de Medicina Veterinária, Engenharia Agronômica e Enfermagem, da Fafram”, diz.

“Desejo sucesso aos novos profissionais, em suas carreiras e vidas pessoais, felicidades em suas formações de famílias e que sejam referências nacionais, pois esse é o objetivo da instituição, formar pessoas capazes de contribuir para o futuro da nação, do país e da humanidade”, afirma o presidente.

“Os enfermeiros auxiliando na área da saúde, os médicos veterinários cuidando do setor animal para a produção de proteína para alimentação do mundo e os agrônomos, sendo responsáveis pelo grande pilar mundial, que é a alimentação. Então, em nome de toda a diretoria da FE, agradeço o apoio de todos os professores que sempre lutaram, de acordo com a missão e preocupação em formar profissionais técnicos, éticos e capazes”, enfatiza;

“Que os formandos tenham a benção de Deus e que sejam profissionais considerados como referência. Contem com a Fafram e a Fundação Educacional de Ituverava em qualquer hora e situação, para apoiar e contribuir para o desenvolvimento de suas funções”, completa o presidente César Mendonça.

Alunos destaques

Durante a cerimônia também houve premiação dos alunos que obtiveram os melhores desempenhos acadêmicos em cada curso e em seus trabalhos de conclusão de curso (TCC).

Os alunos dos curso de Agronomia e Medicina Veterinária que se destacaram foram Ana Flávia Casanova e Júlia Caputo. “Poder concluir um curso superior é motivo de felicidade. Esse era meu sonho e saber que consegui chegar até aqui, dando o meu melhor e levando comigo ótimas lembranças, já era motivo de muita felicidade e realização. Mas, concluir a faculdade e ser considerada a aluna com o melhor desempenho da turma, me faz sentir totalmente realizada, com a sensação de que tudo valeu a pena, nada foi perdido”, afirma Ana Flávia Casanova. “Todo esforço, dedicação, preocupação e, até mesmo, os erros foram fundamentais para que eu pudesse olhar para frente e soubesse que preciso prosseguir, continuar buscando conhecimento e novas experiências, para que isto reflita no meu trabalho futuramente”, diz. “Nesta nova fase, desejo colocar em prática tudo aquilo que aprendi e continuar aprendendo, buscando contribuir com todos aqueles que contarem com o meu trabalho. Quero crescer na área acadêmica e poder um dia também transmitir conhecimento a muitas outras pessoas. Sou muito grata a Fafram e a todo o corpo docente que me ajudaram a realizar este sonho. Obrigada”, completa Ana Flávia Casanova.

Melhores TCCs Os melhores Trabalhos de Conclusão de Curso foram produzidos pelos estudantes Marcos Paulo Bocalon e Ariel Feiria Gomes, dos cursos de Agronomia e Medicina Veterinária, respectivamente. “O tema que desenvolvi no meu TCC foi “Produtividade quali-quantitativa da cana-de-açúcar sob adubação organomineral” e o que mais me motivou a desenvolver esse tema foi a oportunidade de inovar e trabalhar uma nova forma de adubação com organomineral em uma das culturas de maior importância, como a cana-de-açúcar”, afirma Marcos Paulo.

O médico veterinário Ariel Feiria Gomes fala sobre o tema que escolheu para o seu TCC. “Escolhi Sistema de Climatização por aspersores na pré-ordenha para vacas girolando. Decidi abordar esse assunto porque vejo que a maioria das propriedades que produzem leite no Brasil são de pequenos produtores”, afirma. “E qualquer coisa estratégia para melhorar a pré-ordenha conseguimos fazer esse produtor ter um lucro a mais sem a necessidade de um investimento alto”, observa. “Então, por meio desse sistema conseguimos aumentar a produção de leite desses produtores e deixar suas vacas mais tranquilas, com um gasto muito baixo. Minha meta para o projeto foi ajudar produtores pequenos e melhorar o bem-estar dos animais, porque isso faz com que ele reproduza melhor, tenha melhor disposição, alimentação e transformação de energia”, enfatiza Ariel Feiria Gomes.

A nova médica veterinária Julia Caputo Pereira também fala sobre a conquista. “É uma honra receber esse reconhecimento da instituição onde me dediquei e absorvi as melhores experiências para minha vida. Fiquei muito feliz e espero as melhores coisas do universo, não só para minha carreira, como para todos da minha turma. Com os problemas atuais, a incerteza fica bem aflorada, mas devemos manter o pensamento positive e dar o nosso melhor”, afirma Julia Caputo Pereira.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

ADITAMENTO DE DILATAÇÃO NOVO FIES - 01/2020

AddThis Social Bookmark Button

banner-comunicado-fies-2020

Prazo: 15 de dezembro a 15 de janeiro de 2020

O prazo para a realização da Dilatação 1/2020 teve início em 15/12/2019 e é permitido aos estudantes com período de utilização contratado até 2/2019.

Para efetivação, o estudante solicita a dilatação diretamente no SIFES, até o dia 15/01/2020. A solicitação deve ser validada pela CPSA/IES de vinculação, para que possa realizar o Aditamento de Renovação semestral 1/2020.

O prazo para o Aditamento de Renovação do semestre 1/2020 será divulgado nos próximos dias.

Imprimir

Dia de Campo de Soja é realizado na Fafram

AddThis Social Bookmark Button

O evento reuniu cerca de 100 pessoas, entre alunos e produtores de Ituverava e região

banner-dia-de-campo-2020A Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram) sediou na última quinta-feira, 20 de fevereiro, o Dia de Campo de Soja. O evento foi promovido pela AgroMais (Empresa Júnior) em parceria com as empresas Dedeagro, Bayer, Biosoja e TMG, com apoio da Fundação Educacional de Ituverava e Fafram.

O evento que reuniu cerca de 100 pessoas, entre alunos e produtores de Ituverava e região, teve como objetivos proporcionar conhecimentos técnicos aos participantes, a oportunidade de adquirirem experiência e promover maior interação entre alunos, empresas e produtores.

“A intenção é mostrar o resultado do manejo na cultura da soja, com o portfolio de produtos (químico, foliares e adjuvantes) e os cultivares testados”, afirma a professora do curso de Agronomia da Fafram, Priscila Sawasaki Iamaguti.

Desafio

O Dia de Campo de Soja, segundo a docente, é sempre um novo desafio para os integrantes da Empresa Júnior, em relação a quesitos como organização, interação e compromisso.

“Cada um de nós desempenha uma função e tem cargo e atribuições. Para os participantes, é uma ótima oportunidade para adquirir conhecimentos técnicos, trocar experiências, ampliar e melhorar o networking”, observa a professora Priscila Sawasaki Iamaguti.

Feedback

“Foi uma oportunidade muito importante para o crescimento profissional e pessoal dos alunos, pois estimula a nossa maturidade para ingressar no mercado de trabalho e alcançar os nossos objetivos profissionais. Sei que esse dia vai refletir de forma positiva na minha carreira, por isso, estou muito satisfeito em estar tendo a chance de participar desse evento”, destaca Lucas Castro.

“Faz três anos que sou aluna da Fafram e participo do Dia de Campo desde então. Todas as edições têm sido muito proveitosas, pois nos permite aprimorar conhecimentos, conhecer novas pessoas, trocar experiências e ampliar o nosso networking, uma ferramenta importante para ingressar no mercado de trabalho. Com certeza, a experiência que adquirimos através de eventos como esse, fará a diferença em nosso currículo”, disse Sabrina Cristina Barroso Tavares.

Imprimir

Perito ministra curso sobre Investigação Criminal

AddThis Social Bookmark Button

Evento foi realizado na Fafram pelo professor Dr. Wander de Bortoli Pereira

banner-curso-wanderNo dia 30 de novembro, foi realizado nas instalações da Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram), o 1º Curso Prático de Investigação Criminal (CSI) da FAFRAM – Local de Crime Simulado, ministrado pelo professor Dr. Wander de Bortoli Pereira, que é Perito Criminal do Estado de São Paulo, e atua em Ituverava e região.

Cerca de 37 pessoas participaram do curso, que inicialmente era voltado para alunos dos cursos de Direito, Agronomia, Medicina Veterinária, Enfermagem e Sistemas de Informação, interessados em prestar concurso público na área de Segurança Pública. Contudo, atendendo a pedidos, foi aberto para o público externo, como alunos da Etec, DeMolays e egressos da faculdade. O objetivo do curso foi demonstrar os principais procedimentos das Polícias Militar, Civil e Científica sobre crimes que atentam contra a vida, como suicídio, homicídio e mortes violentas, além de ressaltar a importância dessas instituições e da própria população, para a efetivação da segurança pública e da Justiça.

“O nosso intuito principal foi mostrar que os crimes deixam marcas, vestígios e indícios que serão utilizados como provas para o Delegado de Polícia instruir o inquérito policial, bem como fornecer ao Ministério Público, as provas de existência do crime e os indícios suficientes de autoria, ou seja, os elementos essenciais para propositura da ação penal”, afirma o perito.

“Destacar a relevância das provas robustas na comprovação da verdade, dos fatos para facilitar o julgamento do juiz ou o convencimento do tribunal do júri para a realização da Justiça”, observa.

Temas Principais

Dentre as pautas do curso estiveram assuntos relacionados à Segurança Pública, como a importância da orientação e conscientização das pessoas frente aos crimes, indicando como agir, o que evitar a quem recorrer nos casos de suicídio, homicídio entre outros crimes.

“A preservação do local de crime, com destaque para as atribuições da Polícia Militar na preservação da cena do crime, a competência da Polícia Civil na persecução penal e investigação criminal e a relevância e força das provas periciais realizadas pela Polícia Técnico Científica, também foram alguns dos assuntos que permearam a atividade”, destaca.

“Por fim, foi debatida a importância dos elementos essenciais, como prova de existência do crime e indícios suficientes de autoria, para a realização da Justiça pelo juiz ou Tribunal do Júri”, enfatiza.

Feedback

O feedback sobre o workshop, segundo o perito, foi muito positivo, onde os participantes tiveram a oportunidade de viver uma experiência marcante. “Muitos afirmaram ter adquirido um conhecimento que levarão para a vida. Simular de forma tão real, uma cena de crime, despertou a atenção para o nosso bem mais precioso: a VIDA”, destaca.

“Também acredito que todos conseguiram refletir sobre o valor da sua vida e de seus familiares e, que ninguém pode atentar contra a vida de outrem sem ser responsabilizado pela Justiça”, diz.

“O sucesso do curso foi demostrar que, contra fatos verdadeiramente provados não há argumentos. Com provas fortes é possível lutar pelo Direito para que a Justiça seja feita”, declara Bortoli, acrescentando que muitas pessoas que ficaram sabendo do evento depois, demonstraram interesse em participar do próximo curso, que deve ocorrer em 2020.

Realização

Promovido por Dr. Wander Bortoli Pereira, que também é professor no curso de Direito da Fafram, com pós doutorado (Ph.D.) em Criminologia e em História do Direito, Filosofia e Constituição, a iniciativa contou com o apoio do diretor da Fafram, Márcio Pereira e da Polícia Militar.

“Contamos com a importante colaboração do comandante da Polícia Militar, Helder Antônio de Paula, que enviou uma excelente equipe formada pelo subtenente Eugênio Luiz de Paula e o cabo Marcelino, para fazer a preservação do local de crime e representando a Polícia Civil. Também contamos com a parceria do delegado André Luís Jardini Barbosa”, afirma. “O corpo docente da Fafram, principalmente, a coordenadora da Enfermagem Daniela Sarreta Ignácio, a professora da Medicina Veterinária Aline Gomes, juntamente com a Alessandra também não mediram esforços para o sucesso do curso. Contamos também com o apoio dos acadêmicos do curso de Direito, Gabriel Godoi e Luís Pedro Rosa da Silva, além da equipe de Marketing da FE”, completa o perito criminal, Dr. Wander de Bortoli Pereira.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Veja Também

Prev Next