Imprimir

Biblioteca Virtual - Solução que oferece mobilidade e pratícidade

AddThis Social Bookmark Button

A Fundação educacional de Ituverava disponibiliza à toda comunidade acadêmica o serviço de Biblioteca Virtual: Minha Biblioteca

Imprimir

Laboratório de Análises Clínicas do Hospital Veterinário FAFRAM recebe certificado de proficiência e garantia de qualidade e confiabilidade nos procedimentos laboratoriais.

AddThis Social Bookmark Button

O Laboratório de Análises Clínicas Veterinário da FAFRAM recebe o certificado de participação contínua no Ensaio de Proficiência de Veterinária, pela empresa Control-Lab, acreditada pelo CGCRE/Inmetro, habilitado pela ANVISA/Reblas e certificado ISO9001, sendo uma importante ferramenta de gestão da qualidade dos processos analíticos laboratoriais, com desempenho declarado periodicamente em relatórios e comprovação anual em certificado de proficiência.

A Control-Lab é uma empresa que avalia através de testes laboratoriais mensais, o quanto os profissionais e equipamentos do laboratório estão liberando resultado correto nas análises. O ensaio de proficiência atesta que o laboratório produz dados confiáveis e consistentes, sendo uma ferramenta de controle de qualidade eficaz na determinação do desempenho da fase analítica do laboratório.

As avaliações geradas resultam de estudos estatísticos e análises de especialistas, cujos relatórios comumente apontam erros, possíveis causas e considerações sobre o desempenho global dos participantes, para que cada um possa comparar seu desempenho com os demais, no momento e ao longo do tempo, têm o propósito central de identificar a presença de possíveis erros analíticos, possibilitando ao laboratório a implantação de ações para eliminar as causas dos mesmos. Seu uso torna-se essencial para a monitoração do erro sistemático no segmento de análises clínicas, frente à complexidade dos processos, à indisponibilidade de materiais de referência certificados, às limitações no uso rotineiro de calibradores, à baixa execução de estudos de linearidade pelos laboratórios, e a modelos de controle interno simplificados, entre outros.

O laboratório veterinário da FAFRAM recebe materiais biológicos como: sangue, fezes, urina, raspado de pele e secreções de diversas Clínicas Veterinárias de Ituverava e região, e de animais internados e externos do próprio Hospital Veterinário da FAFRAM. Executando seus exames com o mais alto padrão de tecnologia empregada nos equipamentos, reagentes e profissionais gabaritados para tal.

foto-lab-vet01

Prof. Sérgio Renato Macedo Chicote - responsável pelo Laboratório de Análises Clínicas da FAFRAM e da disciplina de Patologia Clínica do curso de Medicina Veterinária
Biomédica Aline Oliveira Cunha
Biológa Jéssica Cristina Caretta Teixeira

foto-lab-vet02

Imprimir

22ª Agrishow - Fafram e FFCL estiveram presentes

AddThis Social Bookmark Button

A Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram) e Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL), instituições mantidas pela Fundação Educacional de Ituverava, estiveram presentes na 22ª Agroshow, onde foi montado um estande com informações sobre os cursos oferecidos pelas faculdades.

Márcio Pereira, diretor da Fafram considera positiva a participação da instituição nesta 22ª edição. “A Fafram participa do agrishow desde a sua 1ª edição. Esse ano nosso estande foi muito visitado por alunos de escolas agrícolas, produtores rurais, empresários dos diversos segmentos dos setores do agronegócio e por pessoas interessadas em fazer cursos oferecidos pelas duas mantidas da Fundação Educacional de Ituverava, Fafram e FFCL”, afirma o diretor da Fafram.

“Tivemos a oportunidade de apresentar projetos desenvolvidos em nossa instituição e fazer contatos com as empresas para consolidar as parcerias já existentes e fazer novas parcerias para o desenvolvimento de novos projetos, convênios para estágios de nossos alunos e colocação no mercado de trabalho para nossos alunos egressos”, diz Márcio Pereira.

agrishow2015-4

agroshow2015-1

 

agrishow2015-5

agrishow2015-2

agrishow2015-3

Imprimir

Diretoria da FE realiza importantes investimentos

AddThis Social Bookmark Button

Gestão 2014/2017 tem realizado melhorias visando bem-estar e segurança de alunos e colaboradores

Ao longo dos anos, a Fundação Educacional de Ituverava tem se consolidado como uma das mais importantes empresas da microrregião, não só pelos empregos gerados, mas também pelo impacto econômico que causa no município, pois fomenta o comércio e prestação de serviços.

A FE é uma das alavancas que sustenta a economia do município, e faz de Ituverava um importante pólo regional de Educação, devido à qualidade dos cursos oferecidos. Outro relevante papel é o importante trabalho social que faz em prol da cidade.

Esse desenvolvimento sustentável, se deve à seriedade das diretorias que se sucedem na Fundação Educacional de Ituverava, formadas, desde o início da instituição, por pessoas sérias e idealistas, que deixaram seus interesses pessoais, para trabalhar pelo desenvolvimento da cidade, afinal, a educação transforma não só o homem, mas toda a sociedade.

Com este mesmo pensamento, a diretoria da FE, encabeçada pelo empresário César Luiz Mendonça tem desenvolvendo um importante trabalho, realizando investimentos nas instituições mantidas pela FE - Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL), Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram), Colégio Nossa Senhora do Carmo - COC, Liceu Van Gogh - Anglo e COC Jr. -, o que consolida ainda mais Ituverava como um dos pólos regionais de Educação mais importantes do Estado.

Dentre os recentes investimentos, estão: construção de novas salas de aula, de um almoxarifado e de uma caixa de energia no campus I (FFCL); aquisição de carteiras, equipamentos para laboratórios e computadores, e construção de novos galpões e reforma da Casa do Diretor, no campus II (Fafram).

Trabalhos recentes

Para falar sobre os mais recentes trabalhos, a diretoria da FE se reuniu com a imprensa na manhã da última terça-feira, 5 de maio. Participaram do encontro, o presidente da FE, César Luiz Mendonça; o diretor-executivo Roberto Inácio Barbosa; o tesoureiro Seandro Duarte Esteve; o segundo tesoureiro, José Antônio Jabur (“Dodô”); o secretário Dorival Silva Pereira; o superintendente Luís Olavo Alves (“Luque”); o vice-diretor-executivo, Antônio Gonçalves Delgado; o vice-presidente Pedro César Galassi; o diretor da FFCL, Antônio Luis de Oliveira (“Toca”); o diretor da Fafram, Márcio Pereira, e o contador José Roberto de Oliveira.

Segundo Mendonça, o objetivo dos investimentos foi visando, especialmente, o bem-estar e segurança dos alunos e colaboradores da instituição de ensino. “Quando a atual diretoria assumiu, elegeu algumas prioridades e tem investido nelas. São obras e aquisições importantes, que beneficiam as instituições mantidas”, afirma o presidente.

A Fundação Educacional de Ituverava atende cerca de 4,2 mil alunos, sendo 2 mil no campus I, que abrange a FFCL, Colégio Nossa Senhora do Carmo - COC e COC Jr; 1.860 na Fafram e 340 no Liceu Van Gogh - Anglo.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

Parcintec da Fafram atua em prol de inovação tecnológica

AddThis Social Bookmark Button

banner-parcintec

Em Ituverava, o programa funciona desde 2008, buscando o desenvolvimento sustentável do agronegócio na região

Pensando em melhor atender à demanda por tecnologia em Ituverava e região, a Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram) - instituição de Ensino Superior mantida pela Fundação Educacional de Ituverava - dispõe do Programa de Parcerias de Inovação Tecnológica (Parcintec), que é um projeto institucional envolvendo áreas públicas e privadas. com o objetivo de prover, a partir do agronegócio e tendo como base a inovação, o desenvolvimento sustentável da região.

Em Ituverava, o programa funciona desde 2008, e é uma parceria entre a Embrapa, o Grupo de Apoio à Inovação e Desenvolvimento do Agronegócio Regional, Prefeitura de Ituverava e Fundação Educacional de Ituverava, através da Fafram.

Em entrevista concedida à Tribuna de Ituverava, o diretor da Fafram, Márcio Pereira, explica sobre o funcionamento do Parcintec. “O programa funciona através da união de esforços técnicos, materiais e administrativos, promovendo de forma institucionalizada a transformação do conhecimento científico e tecnológico em inovação”, afirma o diretor.

“A área de atuação envolve os municípios de Ituverava, Aramina, Buritizal, Guará, Igarapava, Ipuã, Miguelópolis, Morro Agudo, Nuporanga, Orlândia, Sales de Oliveira e São Joaquim da Barra, totalizando uma área cultivada de mais de 570 mil hectares”, ressalta Pereira.

Ainda de acordo com ele, o Parcintec “atende demandas específicas; intermedeia contato entre instituições de pesquisa e setor produtivo; intermedeia contratos entre instituição de assistência técnica e transferência de tecnologia pública e privada; organiza e participa de eventos técnicos e de treinamentos; como palestras, cursos e dias de campo; treinamento de mão-de-obra e propõe ações de inovação e desenvolvimento”.

Agronomia

O desenvolvimento de tecnologias voltadas ao campo, idealizadas pelo Parcintec, se tornam ainda mais importantes devido ao curso de Agronomia que funciona na Fafram, e considerado um dos melhores do país, tanto pela qualidade do corpo docente quanto pela estrutura para as aulas teóricas e práticas.

O Programa de Parcerias de Inovação Tecnológica (Parcintec) funciona de segunda a sexta-feira, no Campus II da FE (Sítio das Acácias), das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h.

Estação Meteorológica

Outro projeto do Parcintec em Ituverava é a Estação Meteorológica, também instalada na Fafram. Através do aparelho, é possível saber a respeito de temperaturas, quantidades de chuvas e ventos em Ituverava.

Parcintec

O objetivo do Parcintec é identificar demandas e promover a articulação de parcerias e ações institucionais com o objetivo de potencializar o atendimento delas. Para tanto, envolve as unidades da Embrapa e outras instituições do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária, bem como instituições científicas, universidades, governos e setor privado.

A partir daí, os parceiros desenvolvem programas de atendimento às necessidades dos diversos segmentos do setor agropecuário destes municípios e regiões.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

Dois galpões foram erguidos na FAFRAM

AddThis Social Bookmark Button

Fafram também recebeu investimentos. Foram construídos dois galpões, um para guardar máquinas e insumos e o outro é para alunos que fazem estágio na Fafram, que passaram a ter um espaço com refeitório e banheiro.

“Recebemos vistorias frequentes de órgãos e entidades que firmam convênios com a Fafram, nasceu daí a necessidade de ter um galpão para recepcionar as pessoas, além de ser um espaço voltado aos alunos e funcionários do sítio”, observa o presidente César Luiz Mendonça.

“Já o outro galpão, localizado ao fundo do primeiro, é para abrigar o maquinário e outros objetos”, enfatiza.

Também estão sendo realizadas as obras da Casa do Diretor, localizada na Fafram. “Ela está sendo reconstruída, porque era muito antiga, construída com pedaços de tijolos e barro. Depois de pronta, hospedará os professores, pois muitos são outras cidades às vezes precisam de um local para se hospedar, pois ministram aulas em dois ou mais dias consecutivos”, diz Mendonça.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

Ações beneficiam não apenas os estudantes da instituição, mas toda a sociedade

AddThis Social Bookmark Button

Considerada uma referência regional em ensino, a Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram), instituição de Ensino Superior mantida pela Fundação Educacional de Ituverava, desenvolve um importante trabalho social, oferecendo cursos, projetos e ações que beneficiam não apenas os seus estudantes, como toda a sociedade.

Entre os principais, estão a Central de Recebimento de Embalagens Vazias de Agrotóxico, o Programa Comunidade Fafram e o Programa Melhorando a Vida no Campo. Além disso, anualmente a instituição promove o Dia Nacional da Responsabilidade Social.

A Central de Recebimento de Embalagens Vazias de Agrotóxico da Fafram funciona há treze anos, e é a única gerenciada por uma faculdade. Além de receber, processar e reciclar embalagens de agrotóxico, a central desenvolve ações sócio-educativas, como palestras e treinamentos sobre o uso correto e seguro de agrotóxicos, coleta solidário com doação de alimentos a entidades carentes de Ituverava e região, doação de mudas na Semana do Meio Ambiente e promove o Dia Nacional do Campo Limpo, evento realizado anualmente.

“O central tem o objetivo de atender agricultores e empresas ligadas ao agronegócio, recebendo embalagens vazias de agrotóxico, as quais são encaminhadas para a reciclagem ou incineradas”, explica o diretor da Fafram, Márcio Pereira.

“Em 2010, a central conquistou o 1° lugar em nível nacional no XXIII Prêmio Mérito Fitossanitário na categoria Campo Limpo. Em 2011, foi a 1ª colocada n categoria de centrais de médio porte e 2° lugar em nível nacional na avaliação do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV).

Programas

Já o Programa Comunidade da Fafram oferece palestras educativas e vocativas realizadas pelos alunos da Fafram em escolas da rede pública e privada de Ituverava; mini-cursos de capacitação, como construção de hortas, culinária, jardinagem, entre outros; Revenda Responsável, que é a orientação às revendas agropecuárias; Projeto Carroceiro, que é a orientação e acompanhamento dos animais de tração da região; projeto de castração gratuita de animais de rua para a população carente; Inclusão Digital, que são cursos de informática à população carente e à terceira idade, e a Zooterapia, que funciona junto aos alunos da Associação de Pais e Amigos de Excepcionais (Apae).

Há ainda o Programa Melhorando a Vida no Campo, que já levou informação e conhecimento a mais de 12 mil pessoas, através de assistência técnica gratuita aos feirantes de Ituverava e introdução do Selo Fafram, selo de qualidade conferido aos feirantes que desenvolveram boas práticas agrícolas; grupo de estudos sobre assuntos de sustentabilidade e caracterização dos pescadores, piscicultores e ribeirinhos dos municípios de Guará, São Joaquim da Barra, Ituverava e Ipuã.

Responsabilidade social

Entre as atividades do Dia Nacional da Responsabilidade Social, evento promovido anualmente pela Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram), estão: o projeto carroceiro, para atendimento a cavalos e castração de cães no Hospital Veterinários; aferição de pressão e glicemia realizadas pelos alunos do curso de Enfermagem; projeto de Educação Ambiental, promovido pela Central de Recebimento de Embalagens; Projeto de Inclusão Digital e várias atividades recreativas.

Durante o evento, também são apresentados os cursos de graduação oferecidos pela Fafram: Agronomia, Direito, Enfermagem, Medicina Veterinária e Sistemas de Informação.

“Essas iniciativas de responsabilidade social são imensamente importantes, pois tudo é feito pensando em proporcionar benefícios à comunidade e oferecer mais aprendizado aos alunos, com diversas atividades práticas que os colocam em contato com suas futuras profissões”, completa o diretor Márcio Pereira.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Veja Também

Prev Next